"São Bernardo" - de Graciliano Ramos - Questões de Literatura e Português

Aqui você encontrará questões sobre o romance "São Bernardo", abordando aspectos literários e gramaticais.

QUESTÕES 01 a 03 - (UEPB - CPCON)

Leia este trecho da obra:

Antes de iniciar este livro, imaginei construí-lo pela divisão do trabalho.
Dirigi-me a alguns amigos, e quase todos consentiram de boa vontade em contribuir para o desenvolvimento das letras nacionais.
Padre Silvestre ficaria com a parte moral e as citações latinas; João Nogueira aceitou a pontuação, a ortografia e a sintaxe; prometi ao Arquimedes a composição tipográfica; para a composição literária convidei Lúcio Gomes de Azevedo Gondim, redator e diretor do Cruzeiro. Eu traçaria o plano, introduziria na história rudimentos de agricultura e pecuária, faria as despesas e poria o meu nome na capa.
[...]
O resultado foi um desastre. Quinze dias depois do nosso primeiro encontro, o redator do Cruzeiro apresentou-me dois capítulos datilografados, tão cheios de besteiras que me zanguei:
– Vá para o inferno, Gondim. Você acanalhou o troço. Está pernóstico, está safado, está idiota.
Há lá ninguém que fale dessa forma!
Azevedo Gondim apagou o sorriso, engoliu em seco, apanhou os cacos da sua pequena vaidade e replicou amuado que um artista não pode escrever como fala.
Não pode? Perguntei com assombro. E por quê?
Azevedo Gondim respondeu que não pode porque não pode.
– Foi assim que sempre se fez. A literatura é a literatura, seu Paulo. A gente discute, briga, trata de negócios naturalmente, mas arranjar palavras com tinta é outra coisa. Se eu fosse escrever como falo, ninguém me lia.

(RAMOS, Graciliano. São Bernardo. 80. ed. Rio de Janeiro: Record, 2004, p. 9)

QUESTÃO 01

O fragmento acima foi retirado do capítulo 1 de “São Bernardo”, romance de Graciliano Ramos. De acordo com o fragmento, podemos concluir que
a) a partir da fala do narrador, percebe-se uma visão de mundo não mercadológica, no que se refere à construção da obra literária.
b) não obstante sua proposta pecuniária, e a contribuição coletiva dada à elaboração do livro, a obra foi um sucesso.
c) o narrador defende um modelo de linguagem que eleve a obra literária à condição de arte, já que a mesma deve ser construída de forma a agradar o público.
d) a personagem Azevedo Gondim expressa a mesma visão do narrador, no que se refere à linguagem que deve ser empregada na construção da obra literária, quando afirma “A literatura é a literatura”.
e) ao afirmar que a construção do livro seria feita pela divisão do trabalho, o narrador mostra sua proposta capitalista ao dividir as tarefas, atribuindo, espertamente a autoria da obra para si.

QUESTÃO 02
Na narrativa de São Bernardo (Texto 11), ficam evidentes duas visões diferentes acerca da composição de uma obra literária. Na concepção
defendida por Azevedo Gondim, o escritor deve se preocupar em compor um texto
a) em linguagem culta, dentro dos padrões gramaticais, já que o mesmo deve se tornar incompreensível para os leitores, por compor um
texto especial.
b) predominantemente coloquial, uma vez que a literatura deve apresentar uma linguagem acessível ao público.
c) bem elaborado e solene, como deve ser uma obra literária.
d) de caráter regionalista, como estratégia artística de expressão das marcas orais dos falantes.
e) de linguagem técnica, por fazer parte de um grupo de falantes específicos, de cunho profissionalizante.

QUESTÃO 03
De acordo com o Dicionário da Língua Portuguesa “Aurélio” – em sua 9ª edição, “sujeito” significa “...Termo da oração a respeito do
qual se anuncia alguma coisa e com o qual o verbo concorda”.
Baseando-se nessa afirmação e em seus conhecimentos sobre os variados tipos de sujeito, indique, dentre os enunciados abaixo, retirados
do texto de São Bernardo (Texto 11), apenas aquele que apresenta um caso de oração sem sujeito:
a) “um artista não pode escrever como fala.”
b) “O resultado foi um desastre”
c) “Se eu fosse escrever como falo, ninguém me lia.”
d) “Há lá ninguém que fale dessa forma!”
e) “...apresentou-me dois capítulos datilografados...”

- - - - - - - - - - - - - - - - -

Gabarito:

01 - e
02 - c
03 - d

Nenhum comentário:

Postar um comentário